Cliete passa mau após esperar mais de uma hora e trinta minutos para ser atendida no Banco do Brasil em Natal!

sexta-feira, 31 de maio de 2013 · 0 comentários

Hoje por por volta das 12:50 uma mulher de aproximadamente 40 anos que não teve sua identidade revelada, passou mau ao esperar mais de uma hora e meio por atendimento na Agencia do Banco do Brasil do Alecrim, a mulher que estava acompanhada por um adolescente começou a se sentir mau, e foi acolhida por outros clientes que também aguardavam atendimento. 
comprovante do meu atendimento
Este que lhes escreve também foi vítima do descaso praticado pelo Banco do Brasil, hoje quando cheguei na agência às 11:53 e só fui atendido às 13:30, no período em que permaneci na agência presenciei vários idosos em pé, por não ter cadeiras suficiête para sentarem, os mais jovens, sentavam pelo chão, e tinha até um cliente coxilando sentado no chão e escorado na parede.
após a mulher ter passado mau e ter sido socorrida por cliêntes e devido o barulho feito por alguns cliênte que ficaram indguinados com a situação, foi que apareceu um fucionário do banco e adiantou  atendimento da vítima, um dos vigilantes ainda discutiu com um cliente que pedia pra que ele providenciasse atendimento para mulher.
Na hora em que o fato estava acontecendo, fiz uma postagem no Twitter,q ue de imediato, foi respondido pelo BB, perguntando em que agência tinha ocorrido o fato, e dizendo que as providências estavam sendo tomadas, vamos aguardar e vê se alguém responde algo e se alguma providência é tomada.
estou agilizando uma reclamação formal junto a ouvidoria do BB, e peço a todos os clientes do Banco de Brasil que solicitem este mesmo comprovante que está anexado nessa matéria e comecem a reclamar, pra ver se o atendimento do Banco do Brasil, fica pelo menos ruim, porque na atual situação, pra ficar ruim tem que melhorar muito.

Policial militar é baleado ao tentar recuperar moto roubada

quarta-feira, 29 de maio de 2013 · 0 comentários


Por Sérgio Costa
Foto: Sergio Costa / Portal BO

O soldado Cezano, lotado no 4º Batalhão da Polícia Militar, foi baleado, na noite desta terça-feira (28), quando tentava recuperar uma motocicleta roubada. O policial estava no loteamento José Sarney, na zona Norte de Natal, quando foi surpreendido por vários tiros. No momento da ação, ele estava acompanhado de outro policial, que não foi identificado.

O tenente Mário Conte informou ao Portal BO que o soldado Cezano teria emprestado sua motocicleta para um amigo, mas o veículo foi roubado, ainda nesta terça-feira. Com isso, o policial militar teria chamado um amigo para procurar a moto e tentar colher informações sobre os ladrões.

Os dois policiais estavam em um veículo Fiat Pálio e quando chegaram na rua São Sebastião já foram surpreendidos a tiros por dois jovens armados. Os criminosos atiraram várias vezes contra o carro, chegando a atingir o soldado Cezano no antebraço. Ele e o amigo conseguiram sair de dentro do veículo e entrar em um matagal.

“Inicialmente, nós chegamos a receber a informação de que um policial tinha sido morto, mas policiais realizaram buscas no local e conseguiram encontrar os dois escondidos no matagal. O soldado Cezano estava com o antebraço quebrado e foi levado para o Hospital Walfredo Gurgel”, disse o tenente Mário Conte.

Os dois jovens que teriam atirado contra os policiais não foram localizados, no entanto, eles teriam sido identificados pelos nomes de Juliano e Kleziano. A motocicleta do soldado Cezano também não foi recuperada.


Mais um: Policial Militar do BOPE sofre atentado!

· 0 comentários

G1RN

Dois jovens, um de 20 anos e outro de 22 anos, foram presos após atirarem contra um soldado do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) do Rio Grande do Norte na noite desta terça-feira (29) em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. O soldado estava desarmado, mas não foi atingido pelos disparos de arma de fogo.

De acordo com os agentes da Delegacia de Plantão da Zona Norte da capital, o caso aconteceu às 19h. O soldado estava de folga, perto de casa, no conjunto Amarante, quando percebeu uma atitude suspeita de dois rapazes e passou a persegui-los. Segundo os agentes da Delegacia, os suspeitos perceberam que eram seguidos e atiraram várias vezes contra o policial. O soldado, no entanto, não foi atingido e esse escondeu.

A arma utilizada pelos criminosos foi um revólver calibre 32. O policial estava desarmado e chamou reforço da Polícia Militar. Os suspeitos foram localizados, presos e encaminhados à Delegacia de Plantão da Zona Norte.

O comandante geral da PM, coronel Francisco Araújo Silva, disse desconhecer o ocorrido, mas prometeu apurar o fato.

Operação Elefante combate tráfico de drogas e prende mais de 10 no RN

· 0 comentários

G1RN

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte prendeu 14 pessoas nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (29) nas cidades de Pau dos Ferrose Doutor Severiano, no Oeste potiguar.

Segundo o delegado Odilon Teodósio, as prisões são resultado de uma operação denominada 'Elefante', que combate o tráfico de drogas na região. O nome foi escolhido por causa da posição geográfica do município, que fica na chamada 'tromba do elefante', uma alusão ao formato do mapa do estado, que se assemelha a um elefante. 

“É uma operação de combate ao comércio, ao varejo de drogas. As investigações começaram em novembro do ano passado e foram comandadas pelo delegado Inácio Rodrigues. Eu estou aqui a mando do delegado geral como coordenador operacional", afirmou o delegado Odilon. 

O delegado Inácio Rodrigues, disse que entre os presos, alguns tinham mandados de prisão preventiva. "Alguns foram presos em flagrante. A maioria foi presa em Pau dos Ferros, mas dois foram presos em Doutor Severiano", contou o delegado. Inácio adiantou que a operação ainda não está encerrada e, por isso, prefere não divulgar mais detalhes.

Mais informações em instantes.

JACARAÚ-PB. Bando estoura Banco do Brasil e explode caixa eletrônico

· 0 comentários

Blog do Mago
A cidade de Jacaraú, localizada no vale do mamanguape paraibano, foi alvo de uma ação criminosa na madrugada desta quarta-feira (29) quando um bando invadiu a cidade e explodiu os caixas eletrônicos da Agência do Banco do Brasil.

Segundo moradores da cidade, cerca de dez criminosos teriam chegado à Agência por volta da 01h40, em um veículo tipo camionete, de cor prata, com o apoio de motos. A ação durou pouco mais de 10 minutos e o bando fugiu levando o dinheiro de um dos caixas eletrônicos. 

Em diligências as polícias militares da Paraíba, sob o comando do Capitão Alberto Filho, e do Rio Grande do Norte, sob o comando do Major Tavares, conseguiram seguir pistas que deram o destino dos acusados até a zona rural de Montanhas-RN, onde foram encontrados grampos, usados para impedir a perseguição policial e um pedaço do caixa eletrônico.

A partir desse ponto, a polícia não soube mais do paradeiro do bando, considerando que o local é de difícil acesso e conta com várias rotas de fuga.

O Capitão Alberto Filho, comandante da companhia de polícia militar independente de Manmanguape, destacou que a ação criminosa aconteceu exatamente no momento em que a polícia estava concluindo um planejamento de segurança para esses dias de pagamentos. “Nós estávamos com o planejamento pronto, e infelizmente os criminosos se anteciparam a ação preventiva e praticaram o crime.” Comentou o Capitão.

O comandante da companhia relatou que antes de realizar a ação, os criminosos já deixaram grampos espalhados na estrada, o que atrasou a chegada da polícia ao local do crime. “Encontramos vários veículos com os pneus furados na estrada, inclusive os da viatura em que eu estava também foram danificados, o que atrasou a nossa chegada à cidade.” Conversou.

Para não se perder durante a fuga, os acusados teriam marcado com pedaços de panos e bolas coloridas as, estacas que ficam as margens da estrada de terra, por onde empreenderam fuga. 

Mesmo com as polícias da PB e do RN, trabalhando em conjunto, não foi possível chegar aos criminosos.


Por Júnior Campos
Imagens compartilhadas no facebook

Preso é suspeito de sair de Alcaçuz acompanhado de PM e voltar bêbado

terça-feira, 28 de maio de 2013 · 0 comentários

Por Sérgio Costa do portalbo
Foto: Thyago Macedo

O caos no sistema prisional do Rio Grande do Norte chegou ao ponto de um detento da penitenciária estadual de Alcaçuz conseguir sair da unidade, de maneira ilegal, acompanhado de um policial militar e retornar horas depois, praticamente embriagado. O fato foi descoberto pela direção do presídio, que já abriu sindicância.

Dinorá Dimas, diretora de Alcaçuz, disse ao Portal BO que isso teria acontecido no último domingo (26). O preso foi identificado como Fábio Júnior. Ele trabalha como eletricista dentro da própria penitenciária e, por isso, teria amizade com vários servidores que trabalham na unidade.

Ainda de acordo com a diretora de Alcaçuz, outro preso teria sido flagrado no pátio da unidade, no mesmo dia, também com sinais de embriaguez, no entanto, ele teria bebido dentro da própria penitenciária.

O policial militar que teria permitido e saído junto com o preso Fábio Júnior, ainda segundo a diretora, foi identificado apenas pelo nome de Rodney. Dinorá Simas informou que já foi aberta uma sindicância e já formulou um comunicado oficial da ocorrência para o coordenador da Administração Penitenciária, major Castelo Branco.

A reportagem também entrou em contato com o comandante geral da Polícia Militar, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva. Ele informou que ainda não foi comunicado oficialmente, mas que assim, que chegar em suas mãos, vai determinar que seja investigado e, caso comprovado, o policial deverá receber punição.



Cmt Geral da PMRN pede atenção redobrada após Assalto a Bancos na PB

· 0 comentários

Após assalto à duas agências bancárias no sertão paraibano, o Comandante Geral da PMRN determinou uma atenção redobrada na zona de fronteira com aquele Estado.
Hoje pela manhã um grupo armado, utilizando fardamento do Exército invadiu a cidade de Princesa Izabel, distante 400kms da capital, fizeram reféns e assaltaram duas agências bancárias naquela cidade, duarante a ação os priminosos utilizaram os reféns como escudo para tentar conter a ação da polícia, houve troca de tiros e civis foram feridos, na fuga os criminosos ainda invadiram a sede do Ministério Público e o Predio da Prefeitura, em seguida empreenderam fuga em direção do Estado do Pernambuco, nesse momento as Polícias Militar e Civil dos dois Estados estão em buscas do bando.

Traficantes de Goianinha RN, são presos com 163kg de maconha no MS

· 0 comentários

Vilson Nascimento

Após serem presos no final da manhã desse domingo (26) com mais de 160 quilos de maconha, dois traficantes moradores do Rio Grande do Norte tentaram fugir da Delegacia, mas acabaram recapturados logo em seguida, em Amambai.

A dupla, Alan Rodrigo de Souza, de 27 anos e João Batista da Silva, de 30, ambos moradores na cidade de Goianinha-RN, foi presa transportando 163, quilos de maconha em tabletes e mais 680 gramas da droga em farelo.

Segundo informações repassadas pela polícia ao A Gazetanes o entorpecente estava em fundos falsos, os chamados “mocós”, na carroceria e o no interior de uma pick-up Fiat Strada, cor preta, placas MYM 9392 de Natal-RN.

A prisão, realizada por uma equipe da PRE (Polícia Militar Rodoviária Estadual) aconteceu na rodovia MS-156, trecho que liga Amambai a Caarapó.

No ato da prisão a dupla disse que havia pegado o carro com a droga em um posto de combustível em Amambai e receberia R$ 3 mil reais para levar até a capital de Mato Grosso do Sul, Campo Grande.

A tentativa de fuga

Ao serem retirados da cela para a realização do registro fotográfico para o sistema integrado SIGO, da Secretaria de Segurança Pública de MS, os traficantes tentaram escapar da polícia.

Eles chegaram a entrar em luta corporal com o investigador de plantão na Delegacia, em Amambai, vindo a rasgar a camiseta do policial, mas acabaram retidos logo em seguida com apoio de policiais militares.

Alan Rodrigo, que conduzia a Fiat Strada na hora da abordagem e João Batista, que segundo a polícia já teve passagem por formação de quadrilha, foram autuados em flagrante pelo delegado titular em Amambai, Dr. Marcius Geraldo Cordeiro e enquadrados nos crimes de tráfico de drogas e lesão corporal pela agressão ao policial.

Depois de autuada, a dupla foi entregue no EPAM, o Estabelecimento Penal de Amambai, onde permanece presa a disposição da Justiça.


Fonte: A Gazeta News

URGENTE: APÓS assalto a bancos, bandidos levam terror e medo às ruas de Princesa Isabel na PB

· 0 comentários


O município de Princesa Isabel, no interior da Paraíba, foi palco de uma troca de tiros, na manhã desta terça-feira (28), entre bandidos que assaltaram duas agencias bancárias, sendo uma do Banco do Brasil e outra do Bradesco e ainda uma agencia dos Correios e policiais que tentavam abortar a ação criminosa.

Segundo relato, o bando armado, composto por pelo menos 16 criminosos mascarados, invadiram as agencias, renderamclientes e vigilantes e depois assaltaram a agencia do Bradesco, e dos Correios provocando um verdadeiro arrastão e pânico na cidade.

Apesar da troca de tiros com a polícia, os bandidos conseguiram fugir em camionetas em direção ao município de Flores (PE), próximo a Serra Talhada, levando uma quantia em dinheiro que ainda não foi revelada. A sede da prefeitura e do Ministério Público de Princesa também foram alvo da ação dos bandidos.

FAROL com PB Agora

Menos dois policiais militares nas ruas para combater a violência do RN...

· 0 comentários

Segundo o BG 096 da PM RN, ficaremos sem mais um Combatente nas ruas fazendo o policiamento ostensivo. Obs:


III - CESSÃO DE SERVIDOR – Transcrita do DOE de 23 de maio de 2013 – Edição Nº
12.956.


A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso
de suas atribuições constitucionais, e tendo em vista o que consta do Processo nº 67679/2013-8-
GAC,


R E S O L V E autorizar a cessão, a Prefeitura Municipal do Natal, com ônus para o Órgão cessionário, do Cabo PM JEOÁS NASCIMENTO DOS SANTOS, matrícula nº 163.933-1, do Quadro de Pessoal da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte, para exercer cargo de provimento em comissão junto à referida Prefeitura.


Palácio de Despachos de Lagoa Nova, em Natal, 22 de maio de 2013, 192º da
Independência e 125º da República.


ROSALBA CIARLINI
Aldair da Rocha


Em outro BG de número 093, outro policial é cedido ao Governo de Roraima, dá pra acreditar!


III - ATO DO PODER EXECUTIVO – Transcrito do DOE de 18 de maio de 2013 –
Edição Nº 12.953.
A GOVERNADORA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso de suas atribuições constitucionais, e tendo em vista o que consta do Processo nº 85120/2013-8-GAC, R E S O L V E autorizar a cessão, com ônus para o Órgão cessionário, do Sd PM EDNEY DA SILVA MARQUES, matrícula nº 194844-0/nº 2006.0427, do Quadro de Pessoal da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, para ter exercício no Governo do Estado de Roraima.


Palácio de Despachos de Lagoa Nova, em Natal, 15 de maio de 2013, 192º da
Independência e 125º da República.


ROSALBA CIARLINI
Aldair da Rocha
Com mais estes, são vários os policiais militares que estão a disposição de diferentes órgãos, o que na prática só vem a aumentar o déficit no efetivo para a proteção da sociedade potiguar, sobrecarregando os que ficam na pedra.

ASSPRA

Sicksoul: Operação prende 20 traficantes e apreende mais de 50 kg de drogas...

· 0 comentários

Foto: Divulgação / Polícia Civil

A Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) apresentou o resultado da Operação “Sicksoul” (do inglês, que significa ‘Alma Doente’) deflagrada desde o mês de janeiro desse ano, com o objetivo de combater o tráfico de drogas. Cerca de vinte pessoas foram presas no decorrer dessa Operação, tendo sido cumpridos mandados de prisões preventivas e mandados de buscas e apreensão. A ação culminou também na apreensão mais de 50 quilos de drogas com valor total estimado em R$ 110 mil, veículos e armas de fogo.
A Operação Sicksoul foi desencadeada para prender uma quadrilha organizada de traficantes com atuação tanto em Natal, região metropolitana e também no interior do Estado. Segundo o delegado Márcio Lemos, adjunto da Denarc, trata-se de um grupo com intensa ação no comércio de drogas no estado, inclusive com subordinação hierárquica e divisão de tarefas. “Através de denúncias começamos a investigar por cerca de um mês e meio o tráfico de drogas no bairro das Rocas e partir desse trabalho desenvolvemos a operação”, explicou.
O chefe do bando foi identificado como sendo o Iramy Ribeiro da Silva, mais conhecido como “Nino Bulau” ou “Psicopata”, que já estava preso no presídio de Alcaçuz, e é suspeito de comandar o tráfico de drogas no bairro das Rocas, com auxílio de diversos membros da organização, sendo seu braço direito, o Rildo Dantas de Brito, conhecido pelo apelido de “Biqueira”, que seria dono de uma boca de fumo, naquele bairro e a pessoa responsável pela distribuição neste setor e entregas em demais regiões da capital.
A partir da identificação do Iramy Silva foi possível prender outros integrantes do grupo ligados a ele. Uma delas é Camilla de Souza Gomes que seria, de acordo com as investigações da Polícia Civil, responsável por efetuar ligações com traficantes do estado do Mato Grosso do Sul, para trazer drogas para o Rio Grande do Norte. Ela, no entanto, foi presa em flagrante por policiais da Força Nacional, no dia 10 de março de 2013, quando viajava a mando de Irami Ribeiro transportando 31,5Kg de maconha, num ônibus na cidade de Ponta Porã/MS.
Algumas outras prisões de integrantes da referida assossiação criminosa foram realizadas em março desse ano como é o caso das prisões ocorridas no último dia 16/03, de Márcio Cristian Xavier da Silva, vulgo “Darfiny” e Gilton Iago Batista de Souza, quando foram apreendidos com eles 10 kg de maconha. No dia 15/03 policiais civis da Denarc também fizeram o flagrante de uma entrega de drogas realizada próximo ao cemitério do Bairro de Bom Pastor, a qual resultou na prisão em flagrante de João Paulo Bezerra de Oliveira e Gabriela de Góis Belmont e na apreensão de 12 tabletes de maconha, além de uma porção com aproximadamente 400g de cocaína.
Em 20 de março foi possível realizar no bairro de Nova Descoberta, a prisão em flagrante de seis indivíduos, também ligados ao Nino Bilau, traficando drogas. No dia 13 de abril foi presa em flagrante outro importante membro da organização, Linduina Teixeira do Nascimento, parente de Iramy, surpreendida quando da entrega de 2 kg de crack, sendo responsável por boa parte da movimentação de drogas de propriedade do comandante da quadrilha.
O desfecho da Operação SickSoul ocorreu no último dia 09 de maio quando a equipe da Denarc cumpriu mandados de prisão contra outras nove pessoas ligadas a quadrilha. Os presos devem ser indiciados por tráfico e associação ao tráfico de drogas e por corrupção de menores. “Com essas prisões nós conseguimos desarticular essa perigosa quadrilha que vinha movimentando uma grande quantidade de drogas não só nas Rocas como também em outras localidades de Natal e do interior”, concluiu o delegado Márcio Lemos.


Fonte: Portal BO Via ASSPRA PM RN

Governadora diz que não sabe o que fazer com a Segurança Pública...

· 0 comentários

Publicado por Soldado Glaucia 
Na estada da governadora Rosalba Ciarlini (DEM) nesta sexta-feira (24) na Associação dos Municípios do Seridó (AMSO), o presidente da entidade, prefeito de Currais Novos Vilton Cunha (PR), disse do clima de insegurança vivido pela cidade, antes pacata citando como razões, a falta de pessoal da polícia civil e a interdição do Centro de Detenção Provisória.
A governadora tentou responder dizendo que o seu governo já convocou novos policiais, mas não sabe o que está acontecendo, pois os problemas se avolumam.
Rosalba afirmou que será feito um levantamento minucioso, para identificar onde estão os policiais civis do interior do estado.

Nota do Blog de Carlos Santos– Governo está perto de completar três anos e Rosalba ainda não sabe quantos policiais civís têm, onde estão?
Francamente.
Seria motivo para darmos boas gargalhadas, não fosse tão trágica essa declaração.
Outro detalhe: o governo mente, utiliza argumento falso, quando fala em convocação de policiais civís. Não houve reforço, mas reposição de vagas decorrentes de aposentadorias etc. O quadro da polícia civil não foi reforçado numericamente.

Postado por Sentinelas do Apodi Via ASSPRA PM RN

Vídeo mostra assaltantes agindo dentro de motel na zona Norte de Natal

· 0 comentários

Por Sérgio Costa do portalbo
Foto: Reprodução

O assalto registrado em um motel da zona Norte de Natal, na madrugada do último domingo (26), foi registrado pelo sistema de câmeras do estabelecimento. As imagens mostram a quadrilha dentro da recepção do motel, rendendo os funcionários e recolhendo dinheiro e objetos de valor.

Durante a ação, um dos criminosos chega a agredir um dos funcionários com coronhadas na cabeça e nas costas. Todas as vítimas são obrigadas a se deitarem no chão. A ação durou cerca de 20 minutos e a Polícia Militar chegou a realizar um cerco no motel, no entanto, os criminosos conseguiram fugir.

Apenas um adolescente de 17 anos foi apreendido quando tentava escapar do cerco policial. Os criminosos chegaram ao motel em um veículo Siena, de placas MYD-9255 (Parnamirim). Quem tiver alguma informação sobre os suspeitos pode ligar para o Disque Denúncia, através do telefone 181.

Criança supostamente raptada dentro de casa é encontrada

· 0 comentários

Portalbo

O drama da família da menina Valesca Fernanda, de sete meses, chegou ao fim, na manhã desta segunda-feira (28). A criança que teria sido raptada de dentro de casa, na madrugada do último domingo (26), após uma mulher estranha ser acolhida pela mãe da vítima e uma amiga dela, em São Gonçalo do Amarante.

Desde o domingo, os familiares vinham espalhando cartazes na Grande Natal e procurando por informações que pudessem levar ao paradeiro da menina. Com isso, populares teriam feito denúncia e os policiais de Macaíba conseguiram chegar até a mulher suspeita do sequestro.
Leia Mais:

Ela estava na comunidade dos Guarapes, na zona Oeste de Natal, e foi detida. A criança estaria com a mulher e foi levada para ser entregue à mãe. Já a suspeita foi conduzida para a Delegacia de Macaíba, onde deverá prestar esclarecimento.

Um policial da delegacia de Macaíba contou ao Portal BO que a mulher suspeita está sendo ouvido, mas existe, inclusive, a possibilidade do caso não ter sido um rapto. "Nós estamos pegando depoimento das duas partes, porque temos conflitos nas informações", relatou o policial Marcos.

Dupla armada tenta assaltar agência dos Correios em Janduís, RN

· 0 comentários

G1RN

A agência dos Correios de Janduís, município a 290 quilômetros de Natal, foi alvo de uma tentativa de assalto assim que abriu as portas na manhã desta terça-feira (28). De acordo com o comandante do policiamento na região, major Flávio, dois homens armados chegaram em uma moto de placa não identificada, renderam os funcionários e tentaram roubar o dinheiro da agência, mas, como a abertura dos caixas é programada, eles não quiseram esperar e fugiram sem levar nada.

A PM informou que a tentativa de assalto aconteceu por volta das 8h e os assaltantes fugiram na mesma moto em que chegaram. Ainda de acordo com o major Flávio, as guarnições de Campo Grande, Assu, e do Grupo Tático Operacional (GTO) estão em diligência em busca dos suspeitos.

RN tem mais de 560 homicídios em menos de cinco meses

domingo, 26 de maio de 2013 · 0 comentários

Por Thyago Macedo do Portal BO
Foto: Sergio Costa /

O coordenador de Direitos Humanos no Rio Grande do Norte, Marcos Dionísio Caldas, vem calculando diariamente os crimes de homicídios registrados no Estado e, de acordo com ele, os números são assustadores. Somente até o dia 24 de maio deste ano, 567 já foram assassinadas em território potiguar. No entanto, a quantidade de mortes pode ser ainda maior, tendo em vista que esses não são dados completos.

Os números, ainda de acordo com Marcos Dionísio, são considerados bastante elevados, tendo em vista que uma cidade como São Paulo, que tem população estimada em 11.376.685 habitantes, teve, até o final de abril, 400 casos de homicídios. No Rio Grande do Norte, a população estimada, pelo IBGE, é de 3.228.198.


“Nossa atual onda de violência já é infinitamente superior à violência praticada em São Paulo e é a maior da nossa história”, relata Marcos Dionísio. Ele informa ainda que Natal teve, no período citado, um total de 213 assassinatos. Já Mossoró, na região Oeste, teve contabilizados 77 homicídios, até 24 de maio.

Marcos Dionísio vem contabilizando mortes no RN

“Esses números deveriam preocupar, escandalizar e tirar o Estado do RN da sua paralisia administrativa e do corolário de intrigas politiqueiras em que se tornou, não com debates nos parlamentos e fóruns, mas em convescotes de suas elites que se habituaram nos colóquios em batizados, enterros, casamentos e solenidades”, desabafou o coordenador de Direitos Humanos.

Os 567 casos de homicídios registrados em menos de cinco meses no Rio Grande do Norte já representam mais da metade do total de assassinatos contabilizados em 2012. No ano passado, a Secretaria Estadual de Segurança Pública havia divulgado que 940 pessoas foram mortas em homicídios.

Ainda de acordo com os dados de Marcos Dionísio Caldas, levando em contas os 144 dias deste ano contabilizados por ele, a média chega a 3,93 homicídios por dia. “Porém, a gente ressalta que até o final de maio, a quantidade de mortes deverá fechar a casa dos 600 casos, pois do dia 24 para cá já tivemos casos não contabilizados e outros homicídios deverão acontecer”, destaca.

Marcos Dionísio afirma ainda que se nada for feito e essa média se mantiver, o RN pode fechar 2013 com sua pior estatística de homicídios, beirando os 1.200 casos. “O primeiro passo necessário para impedirmos esse avanço dos assassinatos é dotar o RN de um Conselho Estadual de Segurança, nos moldes do Conselho Nacional de Segurança Pública, onde gestores, policiais e representantes da Sociedade Civil iriam parir as políticas de que necessitamos para a superação desse tempo de trevas e de mortes. Para o Brasil Mais Seguro poder render os resultados que necessitamos, é preciso a modificação dos critérios de velocidade e do modo de governança”, afirma. 


Mulher tenta entrar em CDP com droga e celular escondidos em biscoitos

sábado, 25 de maio de 2013 · 0 comentários

Portalbo
Foto: Sergio Costa

Os agentes penitenciários do Centro de Detenção Provisória da Ribeira fizeram um flagrante, neste sábado (25), e conseguiram impedir a entrada de material ilícito para os presos da unidade. Uma mulher foi flagrada na revista carregando celular e droga dentro de um pacote de biscoitos.

Informações repassadas pelos agentes dão conta que Rita de Cássia Jovino de Lima chegou logo cedo à unidade carregando mantimentos para um dos presos. Quando os produtos foram revistados, foi encontrado um aparelho celular, um carregador, um fone de ouvido e também 25 gramas de maconha.

Diante do flagrante, Rita de Cássia recebeu voz de prisão. O material ilícito, bem como a mulher deverão ser levados para a Delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal, em Candelária. Nos últimos dias, os agentes vêm intensificando as revistas nas unidades prisionais.

Nesta semana, uma mulher foi presa no Presídio Estadual de Parnamirim, tentando entrar com drogas escondidas nas partes íntimas.

Criança de 2 anos morre em tiroteio entre gangues em Mossoró

· 0 comentários

Portalbo
Foto: Cedida / Marcelino Vieira (O Câmera)

Uma menina de apenas 2 anos de idade, identificada como Deyse Kelly Félix da Silva, morreu de maneira violenta, ao ser atingida por um tiro na coxa, nesta sexta-feira (24). Ela foi uma das vítimas de um tiroteio entre gangues, no bairro Barrocas, em Mossoró. Além da criança, João Maria da Silva, de 46 anos, também foi baleado e morreu.

Outras três pessoas também foram atingidas por disparos e socorridas para o Hospital Regional Tarcísio Maia. A menina Deyse Kelly, também chegou a ser socorrida e levada para o hospital, no entanto, ela recebeu atendimento e pouco tempo depois foi liberada.

A mãe levou a criança para casa e ela começou a sentir fortes dores. Simone Kelly relatou que a menina foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento do Bairro Santo Antônio e lá não resistiu à gravidade do ferimento provocado pelo projétil.

Um dos necrotomistas do Instituto Técnico-Cientifico de Policia disse que é possível que o projétil que atingiu a coxa da criança tenha feito uma trajetória ascendente (subiu) e atingido órgãos vitais importantes na região abdominal, o que não foi detectado pelo Raio-X do Hospital.

Ainda segundo informações repassadas pela polícia, a outra vítima, João Maria, morava em uma rua próxima ao local do crime e teria entrado na residência para se proteger dos tiros, quando foi surpreendido por dois indivíduos que entraram na vila fugindo de outro suspeito que já chegou atirando.

*Com informações de O Câmera

ANTONIO MARTINS/RN: Policial Militar sofre atentado em mirante da cidade

sexta-feira, 24 de maio de 2013 · 0 comentários




Na noite desta quinta-feira (23), por volta das 21h30min no Mirante São José, na cidade de Antônio Martins/RN, o Policial Militar Cardoso, 40 anos, residente em Pilões/RN, o qual presta seus serviços no destacamento Policial de Antônio Martins/RN, se encontrava no referido estabelecimento trajando civilmente na companhia de alguns colegas em uma mesa, quando foi surpreendido por um disparo de arma de fogo, que lhe atingiu nas costas e saiu na região do pescoço.

O Policial foi socorrido por populares até o hospital local e devido a gravidade dos ferimentos, foi encaminhado as pressas para um hospital na cidade de Mossoró/RN.
 
 A Lei do silencio que impera na cidade, ninguém sabe informar de onde saiu o disparo ou quem tentou contra a vida do policial, apesar de no momento do fato, existirem várias pessoas no local.

Diligencias estão sendo efetuadas no intuito de identificar o autor do atentado.


*Nossoparaná via http://www.umarizalnews.com.br

Quadrilha faz arrastão em motel de Candelária mas um é baleado após policial reagir

· 0 comentários


Por Sérgio Costa do portalbo
Foto: Cedida

Quatro homens armados invadiram um motel no bairro de Candelária, no final da noite desta quinta-feira (23), e promoveram um arrastão no local. No entanto, em um dos quartos estava um policial militar, que reagiu e baleou um dos assaltantes. Dois adolescentes foram apreendidos suspeitos de participação no crime.

O arrastão teria sido registrado por volta das 23h40, quando quatro homens chegaram armados ao motel, renderam os funcionários e começaram o arrastão pela recepção do estabelecimento. Em seguida, eles foram até dois apartamentos e recolheram objetos das vítimas, bem como TVs.

Em seguida, a quadrilha foi até um apartamento de luxo do motel, no entanto, não contavam que um policial militar estaria no local e muito menos que ele iria reagir. O policial atirou várias vezes contra os criminosos e um deles foi baleado. Mesmo assim, os quatro conseguiram fugir do local.

Eles estavam em um veículo Pálio, de cor preta e placas HYE-9526, que havia sido roubado em Parnamirim. Pouco tempo após a ocorrência, o suspeito baleado e um comparsa foram até o Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim. Lá, os dois acabaram sendo detidos. Eles são adolescentes e têm 17 anos.

Os outros dois integrantes da quadrilha já foram identificados, porém, eles conseguiram fugir e teriam levado os objetos roubados. O veículo usado pelo bando foi abandonado em Cajupiranga.

Subcomandante do BPChoque é exonerado por comando da PM

· 0 comentários

Tribuna do Norte

O subcomandante do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, Major Antonio Marinho da Silva, foi exonerado do cargo pelo Comando Geral da PM no estado nesta sexta-feira (24). O oficial foi o responsável por comandar o policiamento durante o primeiro protesto relacionado ao aumento na tarifa de ônibus, em vigor desde o dia 18 de maio. O motivo para a exoneração, no entanto, não estaria ligado à manifestação.

Major Marinho esteve à frente do policiamento que visou impedir a ocupação de manifestantes na BR-101, no dia 15 de maio. Através das redes sociais, manifestantes criticaram a forma como ocorreu o policiamento e chegaram a citar a forma como o major Marinho conduziu as ações do BPChoque.

O Comandante Geral da PM/RN, coronel Francisco Araújo, falou que não se trata de uma exoneração, mas sim de uma movimentação administrativa. "Foi um procedimento que acontece normalmente com os subcomandantes", disse.

Major Marinho foi transferido para para o 1º Batalhão, nas Rocas, zona Leste de Natal. A reportagem da TRIBUNA DO NORTE tentou diversas vezes falar com o major, mas o celular do oficial estava desligado.

Agente penitenciário tem casa alvo de vários tiros em Parnamirim

· 0 comentários

Por Sérgio Costa do portalbo
Foto: Cedida

Mais um agente penitenciário foi vítima de atentado e teve a casa atingida por vários disparos de arma de fogo. Desta vez, o crime aconteceu na cidade de Parnamirim, no final da noite desta quinta-feira (23). Tiros de pistola e espingarda calibre 12 foram efetuados, atingido portão e janela da residência.

O agente vítima deste atentado é lotado no Presídio Estadual de Parnamirim. No momento do crime, ele não estava na residência, no entanto, seus familiares dormiam dentro da residência, localizada na rua Maria Amélia Peixoto, no bairro de Passagem de Areia.

Este é o segundo atentado contra agentes penitenciários em uma semana. Na terça-feira (22), a casa da diretora de Alcaçuz, Dinorá Simas, também foi alvo de atentado, chegando a ser incendiada e pichada com a sigla PCC, na Praia de Santa Rita. Neste caso, não tinha ninguém em casa.

Apesar do susto no atentado em Parnamirim, ninguém ficou ferido. Os criminosos estariam em um carro preto, mas conseguiram fugir. A polícia foi acionada e ainda realizou diligências na área, porém, nenhum suspeito foi localizado.

Dois são presos após assalto aos Correios de Felipe Guerra

· 0 comentários

Portalbo
Foto: Cedida / O Câmera

Dois homens assaltaram a agência dos Correios, em Felipe Guerra, nesta quinta-feira (23), mas acabaram presos pouco tempo depois. Eles chegaram ao local em uma motocicleta, invadiram a agência e anunciaram o assalto, levando todo o dinheiro. A Polícia Militar então foi acionada e iniciou as diligências.

Policiais do GTO de Apodi, Rádio Patrulha de Apodi, Felipe Guerra, Itaú e Caraúbas, fizeram uma espécie de pente fino na região e, após receberem algumas informações, seguiram até o Sitio Estreito, na zona Rural de Mossoró, onde conseguiram prender os suspeitos.

Paulo César Ferreira Alves, mais conhecido por Paulinho, de 25 anos, chegava à residência quando foi detido. Ele estava armado e teria confessado o crime. Além disso, foi preso Manoel Alzivan Vieira Silva, mais conhecido como "Novo". Este estava no sítio Canto do Amaro, também na zona Rural de Mossoró.

Na residência dele, os policiais encontraram todo o dinheiro do assalto, um total de R$ 1.210, bem como a moto usada no assalto, uma Honda 150 de cor azul, roubada na estrada de Upanema. A dupla, de acordo com a polícia, vinha sendo investigada pela prática de assaltos ao Correios de Felipe Guerra. Somente este ano, a unidade já sofreu quarto roubos. 

Ex-soldado é preso em operação no RN, confirma comandante da PM

· 0 comentários

G1RN
Operação policial é realizada no RN nesta sexta-feira (24) (Foto: Igor Jácome/G1)

O ex-soldado da Polícia Militar Márcio André de Souza Silva foi preso na manhã desta sexta-feira (24) em Natal em uma operação comandada pela Delegacia Especializada de Homicídios (Dehom). A informação foi confirmada pelo comandante geral da PM, coronel Francisco Araújo. Márcio André é suspeito de envolvimento em um duplo homicídio ocorrido em 2010 na cidade de Macaíba, na Grande Natal.

Márcio André já havia sido preso em 2011, mas teve a prisão relaxada pela Justiça potiguar. Ele, segundo a polícia, cometeu um duplo assassinato em conjunto com o também ex-PM Roberto Morais do Nascimento - já falecido. No dia 20 de setembro de 2010, os dois teriam matado Josemar Gomes, de 43 anos, e Charles Paiva da Silva, 29. Os crimes foram cometidos em uma estrada carroçável da comunidade de Mangabeira, no município deMacaíba.

Nêmesis

As Polícias Civil e Militar do Rio Grande do Norte realizam a operação Nêmesis nesta sexta-feira (24) para prender suspeitos de homicídios e de tráfico de drogas e de armas em Natal e no interior do estado. A ação foi batizada Nêmesis em alusão à deusa da vingança, na mitologia grega.

A ação foi deflagrada às 5h, com a saída das equipes policiais da sede da Delegacia Geral de Polícia Civil (Degepol), no bairro da Cidade da Esperança, na zona Oeste da capital. Não foi informado qual juiz expediu os mandados de prisão e de quais assassinatos os presos são suspeitos. A operação é comandada pelo delegado Laerte Jardim Brasil, titular da Delegacia Especializada de Homicídios (Dehom).

O delegado geral de Polícia Civil, Ricardo Sérgio, confirmou a operação. "A operação está em curso, mas não posso dar detalhes neste momento. Ainda pela manhã, iremos nos pronunciar sobre a ação", falou ao G1.

PMRN APREENDE MENOR PELA TERCEIRA VEZ EM MENOS DE 24 HORAS EM MOSSORÓ

quinta-feira, 23 de maio de 2013 · 0 comentários

Em Mossoró como no Brasil afora para quem acompanha com atenção e preocupação o aumento dos crimes cometidos por menores, desde tráfico de drogas, até estupros e assassinatos, nos dá a constatação da total impossibilidade de fazer com que o criminoso pague por seus delitos.
O menor que estupra, espanca, trafica e assassina é protegido pelo Estatuto do Menor e da Adolescência, uma lei dita de "primeiro mundo". Um erro, pois no primeiro mundo o menor criminoso é julgado como adulto e punido de acordo com o seu crime.
Por volta das 16 horas de hoje, o CIOSP recebeu varias ligações de populares dando conta que um elemento estava exibindo uma arma de fogo na rua Marechal Floriâno no bairro Paredões em Mossoró. A viatura 235 do Santo Antônio sob o comando do Sd Manoel e o Sd Lúcio com apoio da viatura do Oficial de Dia foram ao local da ocorrência.
Chegando lá se depararam com um menor de 16 anos que tentou se desfazer da arma no momento que avistou os policiais mais não obteve êxito.
Com o menor foi apreendido um revolver calibre 32 com cinco muinições intactas e pintadas, essa e a terceira vez que este menor é conduzido para a Delegacia de Menores e o que chama mais atenção é que tudo isso em menos de 24 horas. Ontem o mesmo foi apreendido por desordem, e depois por problemas com drogas, já no dia de hoje por porte ilegal de arma.
Porém de acordo com o estatuto, e os problemas no nosso sistema prisional possivelmente ele vai está em casa ainda hoje para continuar a cometer seus "Atos Infracionais".

BLOG PASSANDO NA HORA

BLOG PASSANDO NA HORA


INSEGURANÇA TOTAL : Landrões fazem arrastão até em ambulância no RN...

· 0 comentários




Ontem a noite por volta das 23:00h uma dupla de bandidos realizou um verdadeiro “arrastão”...


entre os município de Caraúbas/RN e Olho D’água do Borges/RN. De acordo com a polícia, inicialmente a dupla parou um veículo da COSERN.


Após parar o veículo da COSERN os assaltantes obrigaram aos que vinham no carro a colocarem pau e pedras na pista, onde logo depois pararam a Ambulância de Patu/RN e tomaram todos os pertences do motoristas
Por fim, os ladrões tomara um veículo tipo Siena de assalto e segundo a polícia fugiram em direção ao município de Apodi/RN.


Do Blog: Os elementos não se sensibilizaram nem com uma mulher que vinha em trabalho de parto dentro da ambulância.


FONTE correio do agreste via http://centoenoventa190.blogspot.com.br

Homem natural de Baía Formosa se passa por policial militar e é preso em Monte Alegre/RN

· 0 comentários

Jose Augusto Dantas de Souza de 35 anos de idade, Agricultor, natural de Baia Formosa, Residente na cidade de Lagoa salgada, foi Preso na cidade de Monte alegre se passando por policial militar usando a farda da Policia Militar do RN.


Segundo informações da polícia militar de Monte Alegre, "Dantas", foi Preso pelo Sargento PM macelino Comandante do DPM de Lagoa de Pedras,RN. O José Augusto, o falso PM foi ouvido e liberado logo em seguida.


No Portal Canguaretama do Digital Mipibu

Viatura da Polícia Civil é esquecida em BR de Caicó

· 0 comentários

Viatura da Polícia Civil deixada a quase dois dias no local

O Blog registra que a mais de 24 horas uma Viatura da Polícia Civil foi deixada as margens da BR 427 em Caicó no acesso ao Bairro Castelo Branco. A informação de moradores é que um homem deixou o carro, subiu em uma moto e não voltou mais.

Essa viatura deixada desde ontem naquela BR é simplesmente o retrato do abandono que a Polícia Civil vem recebendo por parte do governo do estado.

Será que foi somente essa viatura que quebrou? ou o estado também?

Policial tem orelha arrancada por advogado em Minas

· 0 comentários



Um policial militar de 27 anos teve parte da orelha arrancada por um advogado em fúria, dentro de uma delegacia no Centro de Divinópolis (MG) na noite de sexta-feira. 

Segundo a Polícia Militar, por volta das 19h30, duas equipes registravam um boletim de ocorrência quando o advogado se aproximou de dois policiais militares e começou e proferir palavras grosseiras, desacatando os policiais.

Ele se identificou como sendo J.C.T., de 60 anos, se dirigindo aos presos para não falarem nada para o delegado de Polícia, e sim somente em juízo. Os policiais tentaram prender o suposto advogado, que ofereceu resistência, sendo necessário o uso de força física por parte dos policiais militares para contê-lo. 

O senhor acabou sendo algemado, momento em que mordeu e arrancou parte da orelha esquerda do soldado, que foi encaminhado para atendimento médico. Ele foi dispensado de suas atividades operacionais e passa bem. 

O advogado foi preso e autuado pelo Delegado de Polícia Civil em flagrante delito. O autor negou o pagamento da fiança e negou ser medicado. Não há informação sobre o motivo do ataque do advogado.




Projeto garante ao militar o direito à associação sindical e à greve

· 0 comentários


Pastor Eurico: o direito à sindicalização está na Declaração Universal dos Direitos do Homem.

A Câmara analisa a Proposta de Emenda à Constituição 186/12, do deputado Pastor Eurico (PSB-PE), que garante ao militar o direito de greve, de livre associação sindical e a outras formas de manifestação coletiva. Esses direitos serão definidos e limitados em lei específica.

Atualmente, a Constituição impede que o militar participe de qualquer movimento de sindicalização e greve. Por isso, é comum ver a associação das mulheres dos militares em busca dos direitos dos maridos.

O deputado argumenta que, ao negar o direito de greve e sindicalização, a Constituição nega aos militares a condição plena de cidadania. Ele explica ainda que o Brasil já ratificou convenções internacionais sobre direitos de organização e negociação coletiva com direitos aplicáveis às polícias e às Forças Armadas.

“A partir da ratificação dessas convenções, elas passaram a alcançar necessariamente, as Forças Armadas e as forças auxiliares do País, restando ao legislador apenas a alternativa de definir as normas que serão aplicadas de forma restritiva, mas nunca proibitiva”, justifica.



Conheça a história do direito de greve no Brasil



Tramitação

A admissibilidade da PEC será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Se aprovada, será constituída uma comissão especial para analisar o mérito da proposta, que depois seguirá para o Plenário, onde será votada em dois turnos.



Reportagem – Carol Siqueira

Edição – Natalia Doederlein


Abaixo a íntegra da Proposta:

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº , DE 2012

(Do Sr. Deputado PASTOR EURICO e outros)

Dá nova redação ao inciso IV do parágrafo

3º do art. 142 da Constituição Federal.



As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal,

nos termos do § 3º do art. 60 da Constituição Federal, promulgam a seguinte

emenda ao texto constitucional:

Art. 1º O inciso IV do parágrafo 3º do art. 142 da Constituição

Federal passa a vigorar com a seguinte redação:

IV – ao militar, nos termos e limites definidos em lei, são garantidos

o direito à livre associação sindical e o direito de greve e de outras

formas de manifestação coletiva; (NR)



Art. 2º Esta Emenda Constitucional entra em vigor na data de

sua publicação.



JUSTIFICAÇÃO

Em que pese a aura democrática de que se reveste a

Constituição Federal de 88, esta criou uma espécie de cidadãos de segunda classe

ao não aplicar integralmente aos militares os direitos garantidos aos demais

servidores do Estado, inclusive por não permitir a eles o direito de greve e de

sindicalização, direitos humanos universais e inalienáveis. Negá-los a alguém, é

negar-lhe a plena condição de cidadania.

O direito à sindicalização está erigido, pela Declaração

Universal dos Direitos do Homem, como um dos direitos humanos fundamentais.

Negá-lo a quem quer que seja coloca o Estado como agressor aos direitos

humanos.2

A Convenção nº 98, sobre a Aplicação dos Princípios do

Direito de Organização e de Negociação Coletiva, de 01/07/1949, aprovada pelo

Decreto Legislativo nº 49, de 27 de agosto de 1952, e promulgada pelo Decreto nº

33.196, de 29 de junho de 1953, reza que “Os trabalhadores gozarão de adequada

proteção contra atos de discriminação com relação a seu emprego” e que “Essa

proteção aplicar-se-á especialmente a atos que visem” a “sujeitar o emprego de um

trabalhador à condição de que não se filie a um sindicato ou deixe de ser membro

de um sindicato” (art. 1º). Em seguida, diz que “A legislação nacional definirá a

medida em que se aplicarão às forças armadas e à polícia as garantias” nela

providas.

Portanto, o direito à sindicalização está, nos termos da

Convenção ratificada pelo Brasil, assegurado tantos aos militares das Forças

Armadas como aos da Forças Auxiliares.

Por sua vez, a Convenção nº 154, sobre o Incentivo à

Negociação Coletiva, de 19/06/1981, aprovada pelo Decreto Legislativo nº 22, de

12 de maio de 1992, e promulgada pelo Decreto nº 1.256, de 29/09/1994, diz do

“reconhecimento efetivo do direito de negociação coletiva“ e acresce que “A

legislação ou a prática nacionais poderão determinar até que ponto as garantias”

nela previstas “são aplicáveis às Forças Armadas e à Polícia” (art. 1º).

Diante do teor dos dispositivos expostos, o nosso

entendimento vai no sentido de que, a partir da ratificação dessas Convenções,

estas passaram a alcançar, necessariamente, as Forças Armadas e as Forças

Auxiliares do País, restando ao legislador pátrio apenas a alternativa de definir as

normas que serão aplicadas de forma restritiva, mas nunca proibitiva, porque esse

direito restou assegurado a partir da adesão e subseqüente ratificação do Brasil a

esses instrumentos do direito internacional.

Desse modo, não se pode entender restrição como negação,

e sim como uma concessão sujeita a regras que impõem determinados limites, até

por força de mandamento contido na Declaração Universal dos Direitos do Homem

(1948), da qual o Brasil é signatário (grifo nosso):

Todo homem tem direito a organizar sindicatos e a neles

ingressar para a proteção de seus interesses. (artigo 23, IV)

Diretamente associado ao direito à sindicalização, exsurge o

direito à greve, que, das manifestações coletivas contemporâneas, é, certamente, 3

um dos mais fortes instrumentos de pressão na luta por direitos inerentes ao ser

humano.

O direito à greve é uma conquista obtida na luta contra

arbitrariedades e outros desmandos cometidos pelos patrões, que poderá ser a

própria Administração Pública agindo como empregadora e em polo antagônico aos

seus servidores, na medida em que seus interesses nem sempre serão

convergentes.

A greve está inserida no direito de resistência, na categoria

dos direitos naturais inerentes ao ser humano, dos direitos fundamentais do

trabalhador, enquanto pessoa humana, dos direitos que dispensam normas para

serem exercidos, pois todo o homem tem o poder-dever de lutar pelos seus direitos,

de lutar pela melhoria das condições sociais.

Por isso a greve pode ser entendida como um instrumento da

Democracia a serviço da cidadania, enquanto reação pacífica e ordenada contra os

atos que desrespeitem a dignidade da pessoa humana.

Sindicalização e greve caminham juntas ao longo da história,

sendo difícil falar de uma sem alcançar a outra. Ambas indissociáveis da imagem do

trabalhador e da sua luta por melhores condições laborativas e de remuneração e,

quase sempre, com os seus interesses em pólo antagônico aos interesses do

patronato. Como ensina Júlio César do Prado Leite:

A greve é um direito fundamental que se arrima na Declaração dos

Direitos do Homem (…) Com efeito, o ato internacional em causa, de

modo explícito, cuida de assegurar condições justas e favoráveis de

trabalho. Para obtê-las ou confirmá-las todo trabalhador tem direito

a organizar sindicatos e neles ingressar para a proteção de seus

interesses. Não há greve sem sindicato. O sindicato tornar-se-ia

uma mera associação corporativa assistencial se não dispuser do

direito de fazer greve. (grifo nosso)

O Pacto Internacional sobre os Direitos Econômicos,

Sociais e Culturais, de 16/12/1966, aprovado pelo Decreto Legislativo nº 226, de

12 de dezembro de 1991, e promulgado pelo Decreto n° 591, de 6 de julho de 1992,

colocou o direito à greve de forma expressa (grifos nossos):

Artigo 8º4

1. Os Estados-Partes no presente Pacto comprometem-se a

garantir: (…)

d) O direito de greve, exercido em conformidade com as leis de

cada país.

2. O presente artigo não impedirá que se submeta a restrições

legais o exercício desses direitos pelos membros das forças

armadas, da polícia ou da administração pública.

Da leitura desses dispositivos do Pacto Internacional em

questão é possível depreender a greve como um direito fundamental inerente a

todos os homens, trabalhadores do setor privado ou do setor público, inclusive os

membros das forças armadas e policiais que, se podem e devem ser submetidos a

restrições legais quanto ao exercício desse direito, não podem tê-lo simplesmente

ignorado. O Pacto, ratificado pelo Brasil, não fala em negação do direito para os

militares e policiais, mas apenas em restrições, salvo se o legislador, agindo de

deliberada má-fé, pretender levar as restrições a tal monta que as fará eqüivaler à

negação pura e simples desse direito.

Hoje, aos integrantes das Forças Armadas – Marinha, Exército

e Aeronáutica, no âmbito federal – e das Forças Auxiliares – Polícias e Corpos de

Bombeiros Militares, no âmbito estadual, distrital e territorial –, todos sujeitos ao

princípio da hierarquia e da disciplina, é vedado, nos termos da Carta Magna em

vigor, por mais justos que sejam seus anseios e reivindicações, o exercício do direto

de greve porque esse é o mandamento taxativamente colocado (art. 142, § 3º, IV,

da CF/88), aplicável, por extensão, aos militares dos Estados, do Distrito Federal e

dos Territórios (art. 42, § 1.º, da CF/88:

Com isso, em plena vigência das regras da democracia, da

supre-macia dos direitos do homem, foi gerada uma categoria de cidadãos de

segunda clas-se, daqueles que não têm como expressar a insatisfação que

perpassa pelas fileiras castrenses, pois vedações de ordem constitucional, aliadas

ao princípio da hierarquia e da disciplina, têm servido para calar o

descontentamento que aflige os corações e mentes daqueles que sofrem, no seu

dia-a-dia, os rigores da atividade militar.

O chavão “hierarquia e disciplina” tem sido utilizado como

poderoso instrumento para que não haja diálogo e para que os subalternos não

sejam escutados. Tem sido utilizado para fazê-los calar o protesto que trazem

contido no peito. A Constituição Federal tem sido empregada para impedi-los de 5

usar o último argumento que resta ao homem probo, ao cidadão correto, seja civil

ou militar, quando mais nenhuma alternativa lhe resta para restabelecer ou

assegurar aquilo que lhe é negado de direito em termos de dignidade e direitos

humanos.

É histórico, no âmbito das Forças Armadas, a lengalenga de

que é necessário dar o exemplo, de sacrificar o militar em favor da Pátria – a qual

tudo se dá e nada se pede –, que a hierarquia e a disciplina devem ser mantidas a

todo o custo, que os militares devem manter-se disciplinados porque os

Comandantes estão preocupados e levando ao Ministro da Defesa e ao Chefe do

Poder Executivo as necessidades dos seus subordinados, que os Comandantes das

Forças e o Ministro da Defesa são os legítimos representantes, os porta-vozes dos

anseios dos seus subordinados.

Ora, sabidamente, isso não é verdade. A partir do momento

em que os Comandantes das Forças e o Ministro da Defesa são da livre escolha e

exoneração do Presidente da República, assim como as promoções dos oficiaisgenerais são também submetidas ao crivo do Chefe do Executivo, é evidente que

estes homens passam a representar este Poder perante os seus subordinados, e

não os seus subordinados perante o Poder Executivo, como se apregoa pelos

quartéis afora.

Os oficiais-generais são homens de confiança do Chefe do

Executivo e do Ministro da Defesa que, para alcançar esses postos, evidentemente,

fizeram concessões ao longo da carreira, e continuarão a fazê-las para nela

permanecerem. Insurgir-se contra as orientações e determinações brotadas do

Governo significaria a exoneração do cargo e o encerramento da carreira. Alguns

exemplos de passado recente bem demonstram isso. Assim, quem se arriscaria a

defender seus subordinados, contra determinações brotadas do Poder Executivo,

com essa espada de Dâmocles sob sua cabeça?

Os militares, na realidade, estão órfãos de quem

verdadeiramente possa representar os interesses das instituições militares e dos

seus integrantes porque não têm quem possa efetivamente falar em nome deles,

não dispõem de representação legal, nem de quem possa fazer lobby em favor

deles, nem possuem instrumentos legais que possam funcionar como mecanismos

de pressão.

Finalmente, tivessem os militares direito à sindicalização, à

greve e a outras formas de manifestação coletiva, poderiam ser efetivamente

escutados nos seus anseios.6

É preciso que se diga que a hierarquia e a disciplina, que

servem para a condução de homens nos campos de batalha e em operações

militares diversas, não servem para alimentar as famílias dos militares que estão

carentes em seus lares, pois o voto de sacrifício pela Pátria, até à custa da própria

vida, foi destes, e não das suas mulheres e filhos.

Diante de tudo o quanto foi exposto, entendemos que a

solução está em aprovar a Proposta de Emenda à Constituição ora apresentada

porque, não só permitiria o direito pátrio adequar-se aos tratados internacionais já

ratificados pelo Brasil, como também possibilitaria aos militares das Forças Armadas

e das Forças Auxiliares, hoje castrados em seus direitos de cidadãos, o pleno

exercício desses direitos.

Cabe observar que chegou a ser pensado em assegurar-se o

direito de greve aos militares desde que 30% do efetivo permanecesse em atividade

normal. Depois, nos pareceu de bom alvitre que dispositivo nesse sentido estará

melhor na lei que vier a ser editada, regulamentando o direito que se pretende ver,

agora, constitucionalmente estabelecido.

Na certeza de que os nossos nobres pares bem saberão

aquilatar a importância e o alcance político da presente proposição, aguardo

confiante pela sua aprovação.

Sala das Sessões, em de de 2012.

Deputado PASTOR EURICO

Segurança na escola pública é falha

· 0 comentários

Valdir Julião - Repórter do tribuna do norte

Uma pessoa que não faz parte da comunidade escolar de um bairro em Natal, hoje, tem acesso ao interior de um estabelecimento da rede pública de ensino com facilidade. A segurança na rede pública estadual é falha. Na manhã desta quarta-feria (22), a TRIBUNA DO NORTE esteve em três escolas da rede estadual de ensino e, em duas delas, o repórter passou por dois portões e entrou sem que fosse incomodado. Em um dos casos, a TN flagrou o porteiro terceirizado da empresa prestadora de serviços à Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC) – a Interbrasil, aguando um pé de coqueiro na área externa da Escola Estadual Jean Mermoz, situada na rua Barão de Mauá, no Bom Pastor, Zona Leste de Natal.

João Maria Alves
Parte das escolas tem Guarda Patrimonial. As que estão em áreas de risco possuem segurança privada contratada pela Secretaria
O diretor da E.E Jean Mermoz, Francisco de Assis Varela, disse que tem quatro servidores que atuam na área de limpeza do prédio e admitiu que pode ter havido um descuido da parte do porteiro. “Ninguém manda que ele vá aguar planta, se foi, ele foi de livre espontânea vontade”. Francisco Varela disse que, às vezes, acontece de alguém pedir para o porteiro pegar a mangueira e, na volta pode ter ocorrido dele aguar a planta, tendo ele garantido que vai conversar com o porteiropara que tenha mais cuidado com a portaria.

O diretor da Jean Mermoz afirma que, realmente, o porteiro “não tem a mesma noção de segurança de um vigilante que faz um treinamento”, mas adiantou que, por isso, não está existindo casos de violência, além de algumas desavenças normais que possam acontecer entre adolescentes dentro da escola. Varela informou que a escola Jean Mermoz não tem vigilantes no horário diurno, mas confirmou que dos três guardas patrimoniais que faziam vigilância no período noturno, ficou apenas um que vem a cada três dias.

No entanto, Varela confirmou que nas salas de direção, de vídeo, biblioteca, cozinha, estão instalados alarmes eletrônicos monitorados pela empresa de vigilância Emvipol, que mandam vigilantes ao local quando o alarme dispara. “Quando acontece de eu abrir o portão e o alarme disparar, ligo e passos os meus dados todos para a Emvipol”, disse o diretor da Jean Mermoz, que conta com 1.526 alunos nos três turnos.

A vigilância eletrônica também ocorre durante à noite na Escola Estadual Padre Monte, nas Rocas, onde o repórter adentrou pelo saguão depois de passar dois portões. Um porteiro da Interbrasil havia saído para consertar a torneira de um bebedouro e outro admitiu que tinha ido colocar o cadeado em outro portão do laudo da entrada da escola.

O coordenador administrativo da E.E Padre Monte, Carlos Antônio de Oliveira Barbosa, disse que está há 24 anos trabalhando no estabelecimento, mas nos últimos quatro anos “a comunidade veio para dentro da escola” e não existe casos de violência. Carlos Barbosa minimizou o episódio, informando que “viu pelo vidro” quando o repórter entrou e conhece quando a pessoa não é da comunidade. 

Apenas na Escola Estadual Maria Queiroz, em Felipe Camarão, na Zona Oeste de Natal, a reportagem da TN foi barrada por um porteiro da Interbrasil, que encerrou a conversa ao celular quando viu uma pessoa estranha se aproximar. O porteiro perguntou ao repórter a quem queria se dirigir e o levou até a sala da vice-diretora Rejane do Nascimento Souza. “Quando o porteiro sai, fica outra pessoa na entrada da escola”, disse ela.

A dirigente da E.E. Maria Queiroz disse que está há sete anos naquela escola e não é de seu conhecimento que tenha ocorrido alguma violência devido o aumento da criminalidade, nesse período. Rejane Souza afirmou que ocorre, o que é normal para a idade, desavenças entre adolescentes “que são resolvidas pelo Conselho Escolar”, integrado, inclusive, pelos pais dos 1.380 alunos.


O problema maior de insegurança, segundo ela, ocorre nos feriados prolongados e fins de semana, à noite, que a vigilância fica descoberta. Ela relatou casos de destelhamento e arrombamento do almoxarifado. Para evitar os roubos de computadores e equipamentos de som, como já ocorreu, ela disse que “as coisas de valores estão sendo guardadas, agora, no laboratório da escola, que é estucado”.

Seec envia equipe a Porto do Mangue

A Subcoordenadoria de Ensino Médio da Secretaria Estadual de Educação foi na manhã desta quarta-feira (22) ao município de Porto do Mangue para dar assistência à família do jovem de 20 anos, morto dentro da escola Escola Estadual Professora Josélia de Souza Silva. 

Segundo a assessoria de Imprensa da SEED, a equipe se reuniu com a direção da escola para avaliar a situação de segurança e definir possíveis medidas de reforço. O jovem foi morto por esfaqueamento nesta terça-feira (21) por um adolescente de apenas 15 anos de idade, que invadiu a escola. A agressão teria sido motivada por uma rixa. O menor foi apreendido logo após o ocorrido, por volta das 14h30. O adolescente pulou o muro da escola e conseguiu ter acesso à sala de aula, onde praticou o crime.


 

Copyright © 2011 Jr Maximus - template by André Freitas

Sponsored by: Trucks | SUV | Cheap Concert Tickets